Connect with us

Cidades

Centro Universitário continua sem respostas sobre projeto de lei do plano de saúde aos servidores

Publicado

em

No último dia 13 de março, a prefeitura de Adamantina, por meio da Procuradoria Geral, encaminhou um parecer desfavorável sobre o Projeto de Lei que autoriza o Centro Universitário de Adamantina a contratar empresa de plano de saúde aos seus servidores.

O documento alega que o artigo 73 da Lei 9.504/97 estabelece que “no ano em que se realizar eleição, fica proibida a distribuição gratuita de bens, valores ou benefícios por parte da Administração Pública, exceto nos casos de calamidade pública, de estado de emergência ou de programas sociais autorizados em lei e já em execução orçamentária no exercício anterior, casos em que o Ministério Público poderá promover o acompanhamento de sua execução financeira e administrativa”.

O Centro Universitário, por sua vez, protocolou um novo ofício afirmando que não há qualquer impedimento jurídico para que o projeto de lei seja remetido à Câmara dos Vereadores, inclusive em regime de urgência, já que o projeto em questão foi encaminhado ao Poder Executivo em setembro de 2023.

O documento ressalta que “a conduta vedada pela normal eleitoral, diz respeito, por exemplo, à distribuição gratuita de lotes de terra, cestas básicas, bolsas assistenciais, dentre outras benesses com o intuito de interferir no equilíbrio do pleito, com evidente abuso de poder político e econômico”.

No caso, porém, o PL não dispõe sobre distribuição gratuita de quaisquer benefícios, mas autoriza a Administração Indireta contratar, por regular e prévio processo licitatório, empresa de plano de saúde para os seus empregados. O projeto prevê ainda que o plano será facultativo e com contraprestação a ser suportada pelo próprio empregado, afastando a aplicabilidade do elemento normativo proibitivo, ou seja, a gratuidade.

No início deste mês, servidores da instituição já tinham se reunido com os vereadores na Câmara Municipal para tratar sobre o assunto e todos os presentes se manifestaram a favor do projeto, já que esse benefício só se mostra possível pois o Centro Universitário vem tomando diversas providências para diminuir a despesa e arrecadar mais, apresentando um saldo financeiro superavitário.

Na ocasião, foram expostos os inúmeros benefícios que a medida acarretaria, como a valorização dos profissionais, diminuição das faltas no trabalho (com tratamento preventivo adequado, os servidores tendem a ficar menos doentes), aumento da produtividade, mais segurança, boa imagem da instituição, atrativo para profissionais mais qualificados, redução da rotatividade de funcionários, entre outros.

Até o momento, a instituição continua sem respostas da prefeitura. O funcionário e representante dos servidores do Centro Universitário, Jean Cardoso de Moura (Jean Colega) relata a frustração de toda a equipe. “Nenhum vereador se mostrou contra o projeto, até porque o plano de saúde só vai gerar benefícios. O parecer favorável emitido pelo Departamento Jurídico da FAI deixa claro a sua viabilidade, mas só será possível se o prefeito enviar para a Câmara Municipal. Se isso não ocorrer, é provável que aconteça um grande ato de protesto civilizado em frente ao Paço Municipal”, afirma.

 

 

 

Cidades

Palestra “Reviver Adamantina” para alunos da rede municipal de ensino

Published

on

Na manhã de quarta-feira (12), no Anfiteatro da Biblioteca Pública Municipal aconteceu a palestra “Reviver Adamantina”, onde foram apresentadas por João Carlos Rodrigues, fotos que mostram a história da fundação da Cidade Joia.

João Carlos Rodrigues é um estudioso e conhecedor da história de Adamantina, com publicações sobre o tema e autor de livros.

Foram apresentadas fotos desde o desbravamento em 1937 até a instalação do Município de Adamantina em 1949.

A cada imagem apresentada, o palestrante João Carlos Rodrigues narrou todos os detalhes referente a história como: o acontecimento, datas, nomes dos envolvidos e onde ocorreu. Também foram apresentadas imagens da chegada da ferrovia, Avenida Rio Branco na década de 50, primeira equipe dos funcionários públicos municipais, entre outras.

Estiveram presentes para acompanhar a apresentação 230 alunos da rede municipal de ensino. “Garanto que os alunos guardarão para sempre e serão os futuros multiplicadores da bela história de Adamantina”, afirmou João Carlos Rodrigues.

 

 

Continue lendo

Cidades

Festa Junina do Padroeiro trará 32 prêmios e novidades

Published

on

A Festa Junina do Padroeiro Santo Antônio foi a pauta do programa Entrevista da Semana transmitido ao vivo na manhã de segunda-feira (3) pela TV Folha Regional com a participação do coordenador do evento Gabriel Antonio da Cruz.

No próximo dia 15 de junho (sábado) será realizada a 32ª edição, no Recinto Poliesportivo, a partir das 18h, e faz parte da programação festiva do aniversário de 75 anos da Cidade Joia.

O representante da comissão organizadora destacou o sorteio de um Fiat Mobi, uma motocicleta Honda – ambos 0km –, além de outros 30 excelentes prêmios. “Para concorrer aos prêmios basta adquirir o cupom pelo valor de R$ 10,00 (cada), que pode ser encontrado para comprar no posto fixo de venda em frente à Igreja Matriz, nos pontos de venda espalhados pelo comércio local e também com integrantes dos movimentos pastorais”, informou.

Além da premiação, o público presente poderá saborear uma variedade de comidas e bebidas comercializadas nas barracas espalhadas debaixo da cobertura do Poliesportivo. Haverá ainda brinquedos e outras atrações.

Para esta edição algumas novidades serão trazidas ao público, como a venda antecipada do combo de fichas na Secretaria da Paróquia Santo Antônio e, na parte de alimentação, a inclusão do pão com linguiça no cardápio do evento. “Os valores foram mantidos, alguns inclusive houve redução, porque sempre pensamos em fazer uma festa popular, de maneira que a família possa participar”, completou Gabriel.

Mais informações sobre o evento no telefone 3521 1014.

A entrevista na íntegra pode ser assistida no portal adamantinanet.com.br

 

 

 

Continue lendo

Cidades

Cursos de graduação desenvolvem ações de educação em saúde junto a Tiro de Guerra

Published

on

O Centro Universitário de Adamantina, por meio da Pró-reitoria de Extensão (PROEXT), desenvolve ações de educação em saúde no Tiro de Guerra de Adamantina. Até o momento, participaram os cursos de Educação Física, Nutrição e Psicologia. As atividades foram realizadas, respectivamente, em 7 de junho, 14 de maio e 26 de abril.

“O sargento Souto teve essa ideia e desejo em trazer atividades educacionais aos atiradores do Tiro de Guerra. Nós aceitamos a parceria e uma vez ao mês um curso vai até ao local desenvolver alguma atividade”, explica a coordenadora de extensão da área de Biológicas, Prof.ª Dra. Mayara Moura Alves da Cruz.

No último dia 7, o Prof. Me. Fabiano Montagnoli Pereira do curso de Educação Física recebeu os atiradores na Academia Arena, onde promoveu sessão de alongamento e treinamento funcional.

Em 14 de maio, a orientadora de estágio supervisionado em Nutrição, Andreia Cristiane Grassi, e as estudantes do 4º ano Laiane dos Santos Geraldo, Thamyres Alexandra Souza Silva, Gabriela Marchetti Cossi e Maria Eduarda Almeida de Aquino ministraram palestra sobre alimentação saudável.

Em 26 de abril, a Prof.ª Dra. Ana Vitória Salimon-Santos e os universitários Bárbara Preto, Beatriz Claudino e Paulo Henrique ministraram sobre “O tempo e os desafios de ser jovem no mundo atual”, que propôs a reflexão de como administrar a saúde mental diante das pressões impostas pela sociedade no atual contexto.

“O Tiro de Guerra é uma instituição que desenvolve os sensos de identidade nacional, civismo e cidadania. Pensando nisso, surgiu a ideia de contar com o apoio da FAI, visto ser uma instituição com reconhecimento irretocável nas áreas de biológicas, saúde, exatas, agrárias e humanas”, avalia o Chefe da Instrução do Tiro de Guerra de Adamantina, Sargento Leonardo Pereira Souto.

Para o sargento, as palestras e atividades são trocas de experiências relevantes a todos: chefe da instrução, atiradores, professores e estudantes universitários.

“A participação de nossos amigos do Centro Universitário Adamantina ratifica a parceria entre as instituições. O TG 02-080 agradece a FAI, a Prof.ª Mayara, a Prof.ª Ana Vitória, a Prof.ª Andreia Grassi, o Prof. Fabiano e os universitários pela disponibilidade em contribuir com a instrução aos nossos atiradores até o momento e pretende firmar essa parceria ao longo dos anos”, finaliza.

 

Continue lendo

Mais Lidas

error: O conteúdo está protegido !!