Connect with us

Cidades

Com falta de medicamentos e kits intubação, leitos Covid-19 podem ser fechados em Adamantina

Publicado

em


A mesma situação é vivenciada em cidades da região

A falta de medicamentos e kits de intubação vivenciada em toda a região e inclusive em grande parte do Estado de São Paulo, poderão levar ao fechamento de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) utilizados para o tratamento de pacientes acometidos pelo vírus da Covid-19.

Foi o que relatou à reportagem do Adamantina Net na manhã desta quinta-feira (15), o secretário de saúde de Adamantina, Gustavo Taniguchi.

Gustavo demonstrou grande preocupação com este problema e destacou ainda que todo o Estado está em alerta.

Ele também informou que a Secretária de Saúde de Adamantina aderiu a uma ata do Governo Federal para a compra destes insumos, mas que a maior parte da solução deste problema depende da agilidade do Governo.


Adamantina vive um dos piores momentos da pandemia da Covid-19, com alta taxa de internações, cujos 10 leitos de UTI disponíveis para o tratamento de pacientes com o vírus permanecem 100% ocupados há exatos 30 dias.

Dos 10 leitos de UTI Covid disponíveis, 6 estão sendo ocupados por pacientes de outras cidades da região.

A ala de enfermaria também está em sua lotação máxima e pacientes chegaram a permanecer dias no Pronto Socorro Municipal à espera de um leito.

“Estamos nos desdobrando e fazendo tudo o que é possível para que os leitos permaneçam em funcionamento e atendam não somente a população de Adamantina, mas de toda a região”, finalizou o secretário de saúde Gustavo Taniguchi.

Mais Lidas

error: O conteúdo está protegido !!