Connect with us

Geral

Após dois anos de atraso, coleta de dados do Censo Demográfico é iniciada

Publicado

em

Pelos próximos três meses, recenseadores do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) irão a 89 milhões de domicílios brasileiros para contar cerca de 215 milhões de pessoas durante a coleta de dados do Censo 2022, iniciado nesta segunda-feira (1/8).

Pelo menos 183 mil recenseadores irão de porta em porta em todos os 5.570 municípios do país, de acordo com informações do IBGE. Ao todo, são 452.246 setores censitários urbanos e rurais, 5.972 localidades quilombolas, 624 terras indígenas, 11.400 aglomerados subnormais e 5.778 grupamentos indígenas.

“O Censo não é do IBGE, o Censo é do Brasil e para o Brasil. O Censo é de todos nós. Nossa equipe visitará todos os lares brasileiros, coletando informações que serão muito relevantes para o futuro do país. Não deixaremos ninguém para trás, mas para isso contamos muito com o apoio da cidadã e do cidadão brasileiros. Recebam o IBGE de portas abertas!”, ressalta o presidente do IBGE, Eduardo Rios Neto.

A coleta de dados ocorre após o cancelamento do Censo 2021 devido a cortes de gastos do IBGE pelo atual governo. O presidente Jair Bolsonaro (PL) publicou foto nas redes sociais com um colete da entidade e disse que foi o primeiro brasileiro a ser entrevistado. 

Questionário 

No Censo 2022, há dois tipos de questionário: o básico, com 26 quesitos, leva em torno de 5 minutos para ser respondido. Já o questionário ampliado, com 77 perguntas e respondido por cerca de 11% dos domicílios, leva cerca de 16 minutos. A seleção da amostra que irá responder o questionário ampliado é aleatória e feita automaticamente no Dispositivo Móvel de Coleta (DMC) do recenseador.

“Esse é o tempo mediano de resposta, ou seja, metade dos domicílios leva menos de 5 ou 16 minutos, dependendo do questionário, e metade demora mais. Isso varia em função, principalmente, do número de moradores do domicílio”, explica o responsável pelo projeto técnico do Censo 2022, Luciano Duarte.

O questionário básico traz os seguintes blocos de perguntas: identificação do domicílio, informações sobre moradores, características do domicílio, identificação étnico-racial, registro civil, educação, rendimento do responsável pelo domicílio, mortalidade. Já o questionário da amostra, além dos blocos contidos no questionário básico, investiga também: trabalho, rendimento, nupcialidade, núcleo familiar, fecundidade, religião ou culto, pessoas com deficiência, migração interna e internacional, deslocamento para estudo, deslocamento para trabalho e autismo.

Além disso, o IBGE solicita os dados da pessoa que prestou as informações, como nome, telefone, e-mail e CPF. “O CPF nos ajuda a melhorar a qualidade de cobertura da operação”, esclarece Duarte. Qualquer morador, acima de 12 anos, capaz de fornecer as informações, pode responder ao recenseador por todos os demais moradores daquele domicílio. Ou seja, apenas uma pessoa do domicílio responderá por todos os residentes.

Todas as informações coletadas são confidenciais, protegidas por sigilo e usadas exclusivamente para fins estatísticos, conforme estabelece a legislação pertinente: Lei nº 5.534/68, Lei nº 5.878/73 e o Decreto nº 73.177/73. Já a Lei nº 5.534, de 14 de novembro de 1968, dispõe sobre a obrigatoriedade de prestação de informações estatísticas.

Geral

Acidente em rodovia mata pai, mãe e recém-nascido em Pradópolis, SP

Published

on

Pai, mãe e um recém-nascido morreram em um acidente na tarde desta segunda-feira (15), na Rodovia Deputado Cunha Bueno (SP-255), em Pradópolis (SP). O carro que eles estavam, um Fusca, ficou destruído ao bater de frente com um caminhão.

Segundo a Polícia Rodoviária, o carro estava no sentido Jaboticabal (SP) – Pradópolis. Uma testemunha disse aos policiais que o motorista, repentinamente, jogou o carro para a esquerda e bateu no caminhão.

O caminhoneiro chegou a informar que tentou desviar do Fusca, mas não conseguiu.

O acidente aconteceu por volta das 16h30, na altura do km 202, próximo a uma usina. O caminhão chegou a tombar com a batida, mas o motorista e o passageiros tiveram ferimentos leves.

A rodovia de pista simples foi interditada nos dois sentidos e o trânsito segue pelo acostamento.

Os corpos serão para o Instituto Médico Legal (IML) de Araraquara (SP) nesta terça-feira (16).

Continue lendo

Geral

Pai e filha ficam feridos após motorista embriagado bater carro em moto em Rio Preto

Published

on

Pai e filha, de 36 e 13 anos, ficaram gravemente feridos depois que um motorista embriagado bateu o carro que dirigia em uma motocicleta, no bairro Anchieta, em São José do Rio Preto (SP), na segunda-feira (15).

Segundo o boletim de ocorrência, o motorista do carro, de 39 anos, perdeu o controle do veículo e bateu na moto. Em seguida, arrancou uma árvore, atingiu uma lixeira e o muro de uma casa.

O motociclista e a filha dele foram socorridos e levados à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Jaguaré. Em seguida, foram encaminhados à Santa Casa com ferimentos graves.

Ainda de acordo com o registro policial, o motorista do carro apresentou sinais de embriaguez. Ele confessou que ingeriu bebida alcoólica horas antes do acidente e que usou drogas no domingo (14).

Ele foi preso em flagrante por lesão corporal na direção de veículo automotor. O caso será investigado pela Polícia Civil.

 

Continue lendo

Geral

Homem morre em acidente em Rodovia de Mineiros do Tietê

Published

on

Um homem de 43 anos morreu em um acidente na noite desta segunda-feira (15), na Rodovia Deputado Amauri Barroso de Souza (SP-304), em Mineiros do Tietê (SP). A identidade dele não foi divulgada.

Segundo informações da Polícia Civil, o carro em que ele estava se envolveu em um acidente com outro veículo, cujo motorista não parou para prestar socorro.

A suspeita é de que se trate de um caminhão por conta da dimensão dos estragos no carro em que a vítima estava, que ficou destruído.

Ele chegou a ser socorrido pelo Corpo de Bombeiros, mas não resistiu aos ferimentos e morreu na Santa Casa de Jaú (SP).

A ocorrência foi registrada na Central de Polícia Judiciária (CPJ) de Jaú e o caso será investigado pela Polícia Civil.

Continue lendo

Mais Lidas

error: O conteúdo está protegido !!