Connect with us

Geral

SP vacina trabalhadores do transporte, pessoas com Down e doentes crônicos

Publicado

em

O governo de São Paulo anunciou hoje que começará a vacinar contra a covid-19, em maio, trabalhadores do transporte público, transplantados, pacientes renais crônicas e pessoas com síndrome de Down. Os metroviários e ferroviários começam a ser imunizados no dia 11 e motoristas e cobradores de ônibus, no dia 18.

Entre as pessoas com doenças crônicas, o governo paulista priorizou a imunização de pacientes renais em diálise e transplantados imunossuprimidos —aqueles que têm o sistema imunológico afetado—, além de pessoas com síndrome de Down. Segundo a equipe de João Doria (PSDB), são pessoas mais vulneráveis à covid-19.

Esse grupo começa a ser vacinado ainda antes dos trabalhadores do transporte público, em 10 de maio —serão imunizadas pessoas que têm entre 18 e 59 anos. A estimativa é que sejam vacinadas 120 mil pessoas.

Outro anúncio feito na entrevista coletiva no Palácio dos Bandeirantes foi a antecipação da vacinação para idosos com 64 anos. Antes prevista para 29 de abril, a imunização deste grupo começará seis dias antes, nesta sexta-feira (23).

Atualmente, o estado vacina idosos com 67 anos, professores e profissionais da área da segurança pública.

O cronograma oficial ainda prevê o início da aplicação da primeira dose para pessoas com 65 e 66 anos a partir de amanhã (21). Os idosos com 63 anos começam a ser vacinados no dia 29, e a faixa etária de 60 a 62 anos, no dia 6 de maio.

Apesar do planejamento do governo paulista, os municípios têm autonomia para definirem seus próprios calendários, então o cronograma da vacinação contra a covid-19 pode variar entre as cidades do estado.

 

Mais Lidas

error: O conteúdo está protegido !!