Connect with us

Polícia

Polícia Civil descobre ‘biqueira’ de drogas e prende homem suspeito por tráfico

Publicado

em


A Polícia Civil localizou nesta quinta-feira (7) um ponto de comércio de tráfico de drogas, popularmente conhecido como “biqueira”, e apreendeu entorpecentes, dinheiro que totalizou cerca de R$ 1,9 mil e vários objetos que supostamente teriam sido trocados por usuários de drogas, em uma residência do bairro Santa Clara, em Dracena. Um homem, de 19 anos, foi em preso em flagrante no local pelos crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico e receptação.

Policiais civis estavam investigando informações sobre um ponto de comercialização de drogas que, supostamente, teria se estabelecido em uma residência no bairro Santa Clara, em Dracena. Foi montado um período de monitoramento nas proximidades do local e em dado momento, os policiais civis flagraram uma movimentação de pessoas, prováveis usuários, que foram atendidas por três indivíduos suspeitos. Os investigadores viram que os indivíduos foram para um corredor em direção aos fundos do imóvel, onde existia uma edícula.

Diante das suspeitas, os policiais se deslocaram para o local e foram atendidos por uma senhora que informou ser a proprietária da residência e avó de um dos três indivíduos. Ela autorizou a entrada dos policiais no interior do imóvel.


Ao perceberem a presença dos policias civis no quintal da casa, dois indivíduos fugiram por uma escada, em direção a laje do imóvel. O terceiro suspeito, que estava dentro da casa, foi detido e identificado como o neto da proprietária do local.

O suspeito detido confirmou que realmente promovia a vendas de drogas em sua residência, na companhia dos outros dois indivíduos que fugiram. Ele alegou ainda que os objetos apreendidos foram deixados por usuários de drogas como forma de pagamento dos entorpecentes vendidos.

O homem preso foi encaminhado para a delegacia onde a prisão em flagrante foi ratificada pelos crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico e receptação. Ele foi levado para uma unidade prisional onde ficou à disposição da Justiça.

Segundo a polícia, todos os objetos apreendidos serão analisados para localização dos seus legítimos proprietários. As investigações continuam para identificar e prender os outros dois indivíduos que conseguiram fugir da residência


Publicidade

Mais Lidas