Com mais de 80% da construção executada e novo prazo, casas populares devem ser entregues em janeiro

A expectativa das famílias sorteadas em abril deste ano para as 99 casas populares em construção no município aumenta a cada dia, principalmente porque o prazo estabelecido nas placas fixadas nos canteiros de obras está atrasado.

São dois empreendimentos em Adamantina, que ficam localizados, um anexo ao Conjunto Mário Covas e o outro no Parque Itamarati.

No Adamantina N (Mário Covas) estão sendo feitas 54 unidades e deveriam ter sido finalizadas no último dia 22 de agosto de 2019, conforme apurado pelo Portal Siga Mais. O empreendimento tem valor estimado em R$ 5.374.962,90. No Adamantina O (Itamarati) serão 45 casas cuja conclusão seria no dia 7 de maio deste ano, ao valor de R$ 4.499.166,37.

https://media.giphy.com/media/Y4WXaSw7sYnAfn0A2L/giphy.gif
O Governo Federal, por meio do Ministério do Desenvolvimento Regional, relatou ao Siga Mais que foram definidos novos prazos para o término e entrega: janeiro de 2020. Mas não assumiu que exista atraso nas obras e garantiu que ambas encontram-se em situação regular.

O total executado até o momento, conforme o Ministério, 82% no Mário Covas e 85% no Itamarati.

 

Fonte: Jornal Folha Regional Adamantina

VOCÊ PODE GOSTAR

TV Folha Regional