Obras de substituição da galeria do Pioneiros segue em ritmo acelerado

Depois de serem interrompidas por alguns dias, as obras de substituição da galeria de águas pluviais que passa debaixo do Parque dos Pioneiros retornou na semana retrasada e agora segue em ritmo bastante acelerado. A equipe do Folha Regional esteve no local na última quinta-feira (18).

De acordo com informações passadas à reportagem pelo secretário municipal de Obras, Wellington Zerbini, já estão instalados 100 metros da rede de aduelas de concreto que formarão a nova         tubulação’. “Em apenas 2 dias conseguimos implantar 100 peças – cada uma mede 1 metro linear e 3×3 de altura/largura”.

Os serviços de mão de obra são executados pelos profissionais da Copel Construções, Indústria e Comércio Ltda., contratada pela Prefeitura por R$ 248.630,00 devido à experiência e agilidade na aplicação das aduelas. Já o maquinário e todo o material utilizado é subsidiado pela Prefeitura. “O valor que será pago para a empresa com certeza está sendo compensado ao Município em economia de material e de tempo na realização do trabalho”, comparou Zerbini.

https://scontent.fbau1-1.fna.fbcdn.net/v/t1.0-9/61848576_469352663870430_1248633648207364096_n.jpg?_nc_cat=109&_nc_oc=AQkuiCrgRVGjHmVwGaC2bGg5YaW6iJGxOBaTXXuIxDSLpuYxM-K8JulN5G2tObjeHJhb8hoGDaCUw_S3z4DBETIk&_nc_ht=scontent.fbau1-1.fna&oh=dbb0bda4830890fc791de105d57fccd3&oe=5DEA1EA4
Antes de começar a instalação das aduelas, a Secretaria Municipal de Obras abriu 240 metros lineares e retirou a deteriorada tubulação para a liberação do canal.

Esse processo de execução em andamento consiste na colocação de pedra rachão e brita na base do solo, são posicionadas as aduelas, realizado o rejunte com massa de cimento e aplica a manta. Quando for finalizada a obra, a nova galeria será aterrada novamente. Ao todo, são 460 peças em uma extensão de mais de 480 metros lineares.

A obra não tem um prazo de conclusão, porque a execução depende de condições climáticas favoráveis. E para a execução, o Município financiou R$ 2 milhões junto ao Desenvolve SP – Agência de Fomento do Estado de São Paulo em dezembro de 2018. O pagamento foi dividido em 72 meses com carência de um ano.

 

Fonte: Jornal Folha Regional Adamantina

 

https://scontent.fbau1-1.fna.fbcdn.net/v/t1.0-9/53518763_417515042387526_7691310838199615488_n.jpg?_nc_cat=107&_nc_oc=AQnMRCQIsVehhMzhlcSqz15z_H5VAW4pmhzQC_yrFF4WDsabdxFnup9OhTnC4zd1tHCY7NTnYSVe8iLDmJM-6RRm&_nc_ht=scontent.fbau1-1.fna&oh=34f4097175dcad2ad160b2210fd9e6e9&oe=5DA274BD

VOCÊ PODE GOSTAR

TV Folha Regional