Vereadores aprovam fim do “voto secreto” na Câmara de Adamantina

Em sessão ordinária os vereadores adamantinense aprovaram, em Discussão Única, o Projeto de Emenda à LOMA nº 001/19 que alterou a redação do caput e dos parágrafos 1º e 6º do artigo 22 da Lei Orgânica do Município, ou seja, o fim do “voto secreto” na Câmara de Adamantina.

A iniciativa partiu inicialmente do vereador Alcio Roberto Ikeda Júnior, mas o PEL contou com assinatura Da Redação De Adamantina de outros cinco Aguinaldo Pires Galvão, Eder Ruete, Acácio Rocha, João Davoli e Paulo Cervelheira de Oliveira.

Entre as votações secretas destacadas pelos autores estava a eleição para a Presidência da Câmara, como também é no Senado Federal.

“O voto secreto é totalmente ultrapassado e não condiz com os princípios de transparência e publicidade que deve ter o que é público. Com isso, mediante o cenário atual, alteráramos essa regra, tornando a votação de acesso público a todos os cidadãos”, explicou Ikeda.

 

Fonte: Jornal Folha Regional Adamantina

 

https://scontent.fbau1-1.fna.fbcdn.net/v/t1.0-9/61442902_468199843985712_1398783505852268544_o.jpg?_nc_cat=107&_nc_oc=AQnfsQlvYK20A-37MFfP2KfQ06sjQW7oRx4ae5Wu7_Fu-eZiCTD26y1LkYn9m9r5P7Q7EZ92oOt1r8CSFhCoDgxt&_nc_ht=scontent.fbau1-1.fna&oh=8377b017c36909c921fba58c90b841f5&oe=5D81728A

VOCÊ PODE GOSTAR

TV Folha Regional